Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS

Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS Grosso Preto Sandália Sandália Chiquiteira CT X Salto Chiquiteira Baixo wRIngqS

Detalhes do produto

Salto

RN é o quarto estado mais ineficiente do país, segundo ranking da Folha de S. Paulo

Sandália Baixo CT Chiquiteira X Salto Preto Sandália Chiquiteira Grosso Publicação: 2018-08-19 15:26:00 | Comentários: 0
A+ CT Baixo Chiquiteira Preto Sandália X Chiquiteira Grosso Sandália Salto A-
X Baixo Sandália Salto Chiquiteira Sandália Preto CT Chiquiteira Grosso
O Rio Grande do Norte é o quarto estado mais ineficiente do país, segundo o Ranking de Eficiência dos Estados - Folha (REEF-F) publicado pela Folha de S. Paulo neste domingo (19) em parceria coma  Datafolha. A ferramenta avalia quais os estados entregam mais educação, saúde, infraestrutura e segurança à população usando o menor volume de recursos financeiros.

O objetivo do REE-F é quantificar o cumprimento, pelos governos estaduais, de funções básicas previstas em lei segundo seus recursos finandeiros. Dos 26 estados da federação, o RN ficou com o índice do REE-F em 0,259, ocupando o 23º lugar do ranking, na frente somente do Acre, Pará e Amapá. O primeiro lugar ficou com Santa Catarina, com o REE-F em 0,635.

Baixo Salto X Chiquiteira Sandália Grosso Preto CT Chiquiteira Sandália
A elaboração do ranking considerou 17 variáveis agrupáveis. De acordo com o REEF-F, o Rio Grande do Norte ficou abaixo da média nacional em cinco, dos seis componentes. A única nota acima da média foi no componente infraestrutura, que avaliou o atendimento de água, esgoto e as condições técnicas das rodovias.

Chiquiteira Grosso X Preto Salto Baixo CT Chiquiteira Sandália Sandália
De acordo com o ranking, o Rio Grande do Norte tem 90,6% das crianças entre 6 e 14 anos matriculadas no ensino fundamental, já entre os jovens de 15 a 17 anos matriculados no ensino médio, o percentual é de 46,9%. Em relação a saúde, o estado possui 83,2% de cobertura por equipes de atenção básica e 1,6 médicos a cada mil habitantes.

Na questão do funcionalismo, o ranking aponta que o Rio Grande do Norte gastou 6,2 bilhões, ou 58,9% da receita total com o funcionalismo, sendo 32,6% para o pagamento de ativos e 26,3% para inativos.

Além do RN, outros seis estados brasileiros foram considerados ineficientes: Amapá, Pará, Acre, Roraima, Sergipe e Alagoas.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários